PNUD dá formação à Protecção Civil e Bombeiros no Cunene, Huíla e Namibe

O PNUD – Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento realizou cursos de SIG – Sistema de Informação Geográfica nas províncias da Huíla, do Cunene e do Namibe. Com financiamento da União Europeia no âmbito do Programa FRESAN e implementados pelo PNUD, os cursos foram ministrados em parceria com o Instituto Superior Politécnico Tundavala (ISPT). Os destinatários foram os técnicos do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros (SPCB), que se reuniram para assistir às aulas, em cada uma das províncias, todas as manhãs durante cinco dias.

Em Agosto de 2021, na Huíla, além dos técnicos da Protecção Civil, participaram no curso membros do Gabinete do Meio Ambiente da Huíla, bem como da equipa da Fundação do Hospital Universitário Vall d’Hebron – Instituto de Pesquisa (VHIR), de Barcelona, Espanha (que se juntaram recentemente ao Programa FRESAN). De acordo com os formandos (dez do SPCB; dois do Gabinete do Meio Ambiente da Huíla; um do Vall d’Hebron), o nível de satisfação foi muito alto – acima dos 85%, superando as expectativas.

Em Setembro de 2021, a mesma equipa técnica realizou o curso SIG de cinco dias no Cunene. Com os formandos compostos por 13 oficiais do SPCB, dois técnicos do Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INAMET), e um do Gabinete para a Administração da Bacia Hidroelétrica do Cunene (GABHIC), a satisfação também foi elevada. Por fim, em Outubro de 2021 o curso foi realizado durante cinco dias na Universidade do Namibe, em Moçâmedes, com os alunos compostos por 19 oficiais do SPCB, um técnico do INAMET, um técnico do IGCA – Instituto Geográfico e Cadastral de Angola e um técnico do gabinete da vice-governadora para a área social, Maísa Tavares.

Durante os cursos nas três províncias foram realizados exercícios práticos que permitiram elaborar mapas de risco para diversas ocorrências. E na última semana de Outubro de 2021 o PNUD fez um reforço teórico-prático da utilização de GPS em campo, nas dependências do SPCB Huíla, com duração de quatro horas. Os formandos (oito oficiais do SPCB e um convidado do Vall d’Hebron) aprenderam a manusear os aparelhos de GPS, adquiridos pela União Europeia no âmbito do Programa FRESAN. Esta acção repetiu-se em Novembro nas províncias do Namibe e do Cunene.

Fonte: PNUD (14-12-2021)