Grandes projectos são feitos com grandes pessoas: consulte aqui as oportunidades.

Grandes projectos são feitos com grandes pessoas: consulte aqui as oportunidades.

Apoiamos o desenvolvimento sustentável das famílias no Sul de Angola através da agricultura, da nutrição e do acesso a água

Saiba mais sobre o impacto FRESAN
nas províncias do Cunene, da Huíla e do Namibe

Sobre a União
Europeia em Angola

Representada em solo angolano desde 1986 via a sua delegação em Luanda, a União Europeia tem sido o principal doador de fundos ao país.

O FRESAN é financiado pela União Europeia com 65 milhões de euros entre 2018 e 2025.

Ao olharmos para trás, desde Setembro de 2018, é notável o impacto positivo que conseguimos alcançar juntos. Ao contribuirmos para a redução da vulnerabilidade à insegurança alimentar e nutricional nesta região de Angola, estamos a cumprir uma missão nobre e essencial para o bem-estar das comunidades que servimos.

Rosário Bento Pais
Embaixadora da União Europeia em Angola

Sobre o Programa FRESAN

O FRESAN tem como objectivo contribuir para a redução da fome, da pobreza e da vulnerabilidade à insegurança alimentar e nutricional nas províncias do sul do país mais afectadas pelas alterações climáticas – o Cunene, a Huíla e o Namibe.

3 províncias

no Sul de Angola abrangidas: Cunene, Huíla, Namibe

65M€

de financiamento da
União Europeia para o
período entre 2018 e 2025

600 mil

pessoas
beneficiadas

FRESAN, o vídeo

Reproduzir vídeo

Áreas de intervenção

O FRESAN – Fortalecimento da Resiliência e da Segurança Alimentar e Nutricional em Angola abrange quatro componentes:

Componente I
Resiliência e produção sustentável da agricultura familiar

Componente II
Melhoria da nutrição via transferências sociais com foco na educação e na alimentação

Componente III
Fortalecimento institucional e gestão de informação multissectorial

Componente IV
Teste de acções sensíveis à nutrição com boa relação custo-benefício

Parceiros de implementação

Co-gestores

Camões – Instituto da
Cooperação e da Língua, I.P.

Responsável pela parte principal e a coordenação global do FRESAN, tem a seu cargo a implementação das componentes I, II e III.
A componente IV é implementada via o projecto gerido de forma directa pela Delegação da União Europeia (DUE).

FAO – Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura

Contribui para a componente I, com a implementação de Escolas de Campo para aumentar a resiliência dos agricultores familiares, a produção sustentável e a segurança alimentar e nutricional no Sul de Angola.

PNUD – Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento

Tem a cargo a criação de um sistema de prevenção de desastres naturais dentro das componentes I e III FRESAN.

Vall d’Hebron Institut de Recerca

Responsável pela componente IV, tem como meta contribuir para a transferência de conhecimento sobre a eficácia de acções na nutrição em contexto de seca, com o objectivo de conter a desnutrição e reduzir a mortalidade em crianças com menos de cinco anos.

Indicadores FRESAN/Camões, I.P.

Sistema de Gestão de Informação

16.300

Do objectivo inicial de 10.500

Camponeses e pastores apoiados pelo projecto para melhorar a produtividade e a resiliência dos sistemas agrícolas e pecuários
(H: 7.357; M: 8.943)

>100%
Cunene

4.028

Huíla

9.503

Namibe

2.760

77.636

Do objectivo inicial de 60.000

Participações de mulheres em idade reprodutiva e cuidadoras de crianças menores de 5 anos em acções de sensibilização nas comunidades
>100%
Cunene

23.449

Huíla

41.426​

Namibe

12.761

155.634

Do objectivo inicial de 180.000

Pessoas beneficiárias de pequenas infra-estruturas hidráulicas

86%
Cunene

113.210

Huíla

30.259

Namibe

12.125

23

Do objectivo inicial de 17

Planos de Desenvolvimento Municipal sensíveis à SAN e resiliência elaborados
>100%
Cunene

6

Huíla

12

Namibe

5

Dados 1.º trimestre 2024
Dados 1.º trimestre 2024

Histórias de campo

Testemunhos do dia-a-dia

Alberto Tchipande

O membro e facilitador na ECA Kaleva, no Camucuio, conta como, com o sistema e a tecnologia FRESAN/FAO, a sua comunidade passou a ter acesso facilitado a água, e abandonou os costumes de ter de a ir buscar a buracos feitos nos leitos dos rios e afins.

Namibe

Manuel Armando

A história de Manuel Armando é também a história do projecto Fortalecendo a resiliência de famílias vulneráveis no âmbito do Programa FRESAN, que marcou a vida do jovem agricultor, ao permitir-lhe adquirir conhecimento sobre novas técnicas de plantação e de tratamento do solo.

Huíla

Segunda Mutunda

O presidente da Associação Embela Mabululo Caquemba e beneficiário do Programa FRESAN através do projecto Ehole explica como o dinheiro que recebe do mel é investido na lavra, na compra de “um animal ou outra coisa de valor”.


Huíla

FRESAN acontece

Descubra mais sobre os projectos FRESAN e sobre os parceiros
que estão a implementá-los no terreno, com o financiamento da União Europeia.

Recursos e publicações

Relatórios e análises da implementação no terreno

Em destaque
Últimas publicações
Em destaque
Monofolha FRESAN

Apresentação
Objectivos
Públicos
Parceiros

Últimas publicações

Ficha Técnica

Aplicação de acaricidas: aspersão manual

JUL 2024

Ficha Técnica 27

Ficha Técnica

Castração de bovinos e pequenos ruminantes com pinça de Burdizzo

JUL 2024

Ficha Técnica 26

Folhas de Informação

Boletim MuCCUA – Ano 2

JUN 2024

Plataforma de Monitorização Agro-Climática

CUNENE, HUÍLA E NAMIBE

Eventos

FRESAN acontece
Evento Húila

06 FEV | Huíla

FRESAN acontece
Evento Húila

06 FEV | Huíla

FRESAN acontece
Evento Húila

06 FEV | Huíla

Oportunidades

O momento de contribuir para o futuro de Angola

Newsletter FRESAN

Newsletter FRESAN

Receba informação trimestral sobre o Programa FRESAN

Receba informação trimestral sobre o Programa FRESAN

Concorda, como parte do seu pedido de subscrição, que o FRESAN possa usar as suas informações de contacto para lhe facultar informação sobre o FRESAN. Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento. Para saber mais, leia a nossa política de privacidade.